sábado, 30 de julho de 2011

Eterno amor

Apenas sei que caminho
Como quem é olhado, aamado e conhecido
E por isso em cada gesto ponho
Solenidade e risco.
      ( Sophia de Mello Breyner)

Acrílico s/papel acrílico/colecção particular.

Sem comentários:

SILÊNCIO E TANTA GENTE